Coluna Edição 31 jan 2015 O Vale

“O otimista irrita algumas pessoas porque ele opta por ser feliz, e ser feliz incomoda muita gente.”
(JufrasMenhal)
VIVA A VIDA!





Semana que vem já é fevereiro! Estamos às vésperas de o ano finalmente começar no Brasil. Os alunos e professores voltarão às salas de aula. Alguns profissionais privilegiados terão os seus dois ou três meses de férias terminado e terão que voltar ao “batente”.

O tempo passa muito rápido. Como na música “Crônica” do Engenheiro do Hawai: “Mais um pouco e mais um século termina; Mais um louco pede troco na esquina; Tudo isso já faz parte da rotina; E a rotina já faz parte de você que tem ideias tão modernas; E é o mesmo homem que vivia nas cavernas!”

Temos que viver cada dia. Tentando aproveitar – com responsabilidade, as oportunidades que Deus nos dá. Cada dia é uma página em branco. Posso escrever nela tudo o que eu quiser. Só não tenho o direito de esquecer que tenho que ter responsabilidade com o que escrevo!

Algumas pessoas pregam o Carpe Diem: O termo foi escrito pelo poeta latino Horácio (65 a.C.-8 a.C.), no Livro I de “Odes”, em que aconselha a sua amiga Leucone na frase: “...carpe diem, quamm inimum credula postero". Uma tradução possível para a frase seria “...colha o dia de hoje e confie o mínimo possível no amanhã”.

É muito fácil dizer que tudo dá errado comigo! Tudo que eu ponho a mão acaba! Chamar para si a imagem de “coitadinho”. É preciso que antes eu analise como estou vivendo. O que tenho feito com essa oportunidade maravilhosa de ter uma vida, mais um dia na minha existência? Será que eu me conscientizo que a cada minuto alguém perde o direito de viver, de ver seus filhos crescerem!


Acorda pra vida meu camarada! Nem tudo vai acontecer exatamente como eu quero. As pessoas não vão pensar como eu penso. Não vão gostar das mesmas coisas que eu gosto. Vão me machucar com suas respostas grosseiras. E eu preciso estar em pé! Preciso aprender a conviver, como as ervas – pequeninas – em meio ao gramado. Se eu não fizer o possível pra ver a luz do sol primeiro, alguém vem e me arranca.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Hoje é dia do Imigrante - 01/12/2009