Guia de Sobrevivência do Carnaval

Chegou fevereiro. Com ele o Carnaval. Para aqueles que já estavam trabalhando, ou quem sabe, nem tiveram o merecido descanso no final de ano, chegou o momento de parar para dar aquela relaxada. Será quase uma semana de folga!



Como diz o filósofo e professor da PUC-SP Mario Cortela: “Todo ano é a mesma coisa: o carnaval se aproxima e muitas pessoas começam a maldizer, sem parar, a alegre ociosidade que seduz a maioria dos humanamente mortais no Rio de Janeiro. Já tem muito feriado por aqui – dizem – e agora suspendem tudo de útil por cinco dias, apenas para ficar dançando e pulando pelas ruas”.



Um povo ocupado apenas em se divertir, pular e sambar, por quase uma semana, é tudo que os governantes necessitam! As vésperas, ou durante esse período, são emitidos os habeas corpus para soltar da prisão pai e filho “assassinos” de filho de atriz. O prefeito de uma grande capital pode anunciar o aumento das passagens de ônibus. Outro prefeito de outra grande cidade pode anunciar que teremos dois dias de água por cinco dias de racionamento. E a lista pode ficar ainda maior. O povo vai estar muito ocupado pra protestar nas ruas!


A frase dita há muito tempo, pelo Imperador Romano Vespasiano: Pão e circo para o povo – se mostra atual.
Não estou, com esse artigo, querendo engrossar a fileira dos que falam mal do carnaval. Afinal os dois lados tem razão: o povo trabalhador que luta o ano todo, acordam de madrugada para ir ao trabalho, que são obrigados a andar igual sardinha nos meios de transporte. Em muitas vezes terão apenas esse momento para se divertir de graça – ou quase de graça. E de outro lado os cotidianamente produtivos, que se ressentem de quase uma semana com seus comércios, indústrias fechadas.

Para aqueles que igual a mim, não irão cair na folia, aproveitemos esses dias para descanso,




Para estar em família.




Quem sabe acampar.



E para os insanamente saudáveis que cairão na folia: Respeito para com o próximo! Cuidado na bebida.

Este post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, um grupo de blogueiros saudosistas que resgata a velha e verdadeira paixão por manter seus diários virtuais. Quer participar? Então faça parte do nosso grupo no Facebook e inscreva-se no Rotation.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

10 lembranças da minha época de escola